Publicado por: luizerbes | outubro 14, 2011

O duplo de João Cláudio Arendt

Sim, nós vimos o duplo do João Cláudio Arendt. Digo “nós” porque não fui apenas eu que vi: a Raquel, colega do mestrado, e a Kátia, já mestre, também estavam lá e tiveram impressão semelhante. Foi num momento nada bom, num velório – pelo menos não era o velório de nenhum dos envolvidos nesta história.

O duplo sempre causa um estranhamento, e essa foi impressão inicial. Eu já estava lá quando o sósia entrou; pensei que o João Cláudio tinha voltado da Alemanha, embora todas as informações indicassem o contrário. Como sou péssimo em memória visual – costumo não ter certeza em momentos assim – fiquei à espera do cumprimento; se viesse, seria ele. Não veio. A Raquel teve impressão similar; a Kátia, idem.

Assim, o João Cláudio tem um sósia, um duplo. Dizem que todos nós temos um sósia, que vive por aí e com o qual nunca (ou quase nunca) nos deparamos; são sempre os outros que o encontram.

Às vezes, até somos confundidos com o outro. Pelo menos já aconteceu comigo. Estava na Rodoviária de Porto Alegre quando alguém de Soledade parou e falou comigo como se me conhecesse; disse que eu não era a pessoa que ele achava que eu era, ele achou um estranho e assegurou que havia em Soledade alguém igual a mim. Será?

Talvez sejamos todos personagens de um conto fantástico do Cortazar;  não há como ter muita certeza disso. Talvez não fosse o duplo do João Cláudio, apenas uma impressão nossa, mas quem haverá de ter certeza. Talvez Cortazar, talvez nem Cortazar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: