Publicado por: luizerbes | outubro 13, 2011

A favor do trabalhador, contra o trabalhador

Começa a vigorar nesta quinta-feira o aviso prévio proporcional, que determina o acréscimo de três dias a cada três anos trabalhados. Ou seja, se você estiver 10 anos numa empresa e receber o cartão vermelho porque o chefe acha que você ganha muito, terá dois meses de aviso prévio.

A medida levou a Folha à seguinte pérola, ao falar sobre a nova lei: “Ou seja, a partir de 20 anos de trabalho o empregado já tem direito aos 90 dias”. O “já” parece a indicar que 20 anos é pouco, mas duvido que muitos cheguem a essa marca na empresa da família tucana.

Em todo o caso, o novo aviso prévio, muito criticado por associações empresariais, pode ser considerada boa para o trabalhador.

Já no caso dos Correios sobrou para os trabalhadores. A justiça, sempre tão conservadora, resolveu mostrar as suas garras: concedeu um aumento bem abaixo do reivindicado, mandou todo mundo voltar ao trabalho e estipulou uma multa altíssima em caso de desobediência.

E no caso dos bancos, como fica? A greve já dura duas semanas e parece que vai se estender.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: