Publicado por: luizerbes | agosto 11, 2011

A violência em Londres: entre o simples e o complexo

Depois de Caxias do Sul, Bento Gonçalves e Novo Hamburgo, Londres é uma das cidades mais instigantes que já conheci. A cidade, de onde partiram no passado exploradores para estender o domínio colonial inglês e subjugar culturas, vive uma onda de violência, com confrontos entre jovens e policiais, saques e agressões físicas.  É um caos, mostram imagens de TV.

O caso é mais um exemplo das tensões sociais neste mundo moderno, com uma produção de riqueza sem precedentes e uma desigualdade gigantesca. Em alguns lugares é por mais liberdade, mais democracia; em outros, por melhores oportunidades de emprego. Todos querem acesso a esse maravilhoso mundo moderno, de liberdades e tecnologias inovadoras, mas não há espaço para todos. É um modelo que vive de inclusões e exclusões.

A resposta para esses casos varia. A direita adora a opção simples, como faz o atual primeiro-ministro inglês, David Cameron, para quem os manifestantes são vândalos e merecem tratamento policial. Tenho amigos no Facebook que acreditam piamente nesta tese (e isso vale para qualquer manifestação com a qual discordam). Partem do pressuposto de que a atitude pode ser definida como vandalismo – e saquear uma loja é um ato de vandalismo -, portanto são todos vândalos. O remédio é simples: chama a polícia e resolve na porrada e por meios judiciais.

Mas a questão está longe de ser tão simples assim, desconfio, mesmo acompanhando tudo à distância. A crise é muito mais complexa, envolve questões sociais e raciais, em falta de empregos a jovens da classe operária cada vez mais reduzida no Primeiro Mundo – porque suas empresas preferem fabricar seus produtos na Ásia – e na inclusão de negros e imigrantes (ou seus descendentes).

Baixar o cacete pode até funcionar a curto prazo, mas as tensões permanecem. Basta um estopim – neste caso foi a morte de uma manifestante pela polícia – para a confusão voltar e se alastrar muito além da comunidade do incidente.

Anúncios

Responses

  1. Luiz, ótimo! Sobretudo o segundo parágrafo.
    Abraço!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: