Publicado por: luizerbes | abril 3, 2011

Caxias: o técnico e o centroavante

A coisa esquentou na sexta-feira, entre o técnico Luiz Carlos Ferreira e o centroavante Lima. Ferreira deixou o atacante, artilheiro da equipe grená na temporada, com 12 gols, entre os reservas no treino. O jogador não gostou e, após o trabalho, chegou a circular a informação de que não viajaria a Erechim para enfrentar o Ypiranga.

No final das contas, Lima viajou. Mas ficou no banco, o que levou alguns torcedores a esculhambar o técnico pelo Twitter. Só entrou no segundo tempo, quando o time já perdia por 1 a 0. Depois, o Caxias ainda tomou mais três gols e só não amarcou o 4 a 0 porque, no finalzinho, descontou duas vezes. Lima marcou um dos gols.

Agora, é Ferreira quem pode cair.  Nos cinco jogos em que esteve no comando na fase – contra o Inter, ele oficialmente só foi observador -, o time grená tomou 12 gols e venceu apenas uma vez.  É muito gol sofrido e pouca vitória, e com um presidente que não perdoa deslizes, a expectativa é por mudanças.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: