Publicado por: luizerbes | março 29, 2011

Os 47 anos do golpe que implantou à ditadura no Brasil

Neste semana, o golpe militar que derrubou João Goulart e resultou em uma ditadura militar que se estendeu por duas décadas completa 47 anos. Foi no dia 31 de março de 1964 que tropas do Exército, em Minas Gerais e São Paulo, deflagraram o movimento que levou o então presidente a deixar o país e conduziu Carlos Castelo Branco ao comando.

O golpe teve amplo apoio das elites brasileiras, que não confiavam em João Goulart e em seus partidários, como Leonel Brizola, e temiam o comunismo. Os principais jornais do país à época, como o Jornal do Brasil, O Globo, Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo, apoiaram o golpe, que também contou com algo mais do que a simpatia dos norte-americanos.

A ditadura, que se estendeu oficialmente até 1985, com a eleição de Tancredo Neves em uma eleição indireta no Congresso Nacional, exilou os principais líderes da oposição, professores de Universidades e artistas; torturou e matou presos políticos; fechou sindicatos e perseguiu os movimentos estudantis; e censurou a mídia, entre  outras ações.

Ao mesmo tempo, contando com o apoio de investimentos externos (e o consequente  endividamento do país)  promoveu o desenvolvimento econômico que, se beneficiou parte da população, também ampliou a concentração de renda.

***

Nos próximos dias, vou postar mais sobre a ditadura militar e seus efeitos sobre o Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: