Publicado por: luizerbes | março 17, 2011

Programa para sabotar as mídias sociais

No discurso, os Estados Unidos são contrários a qualquer censura ou interferência nas mídias sociais (Twitter, Orkut, Facebook, etc..). Isso publicamente. Na realidade, não é bem assim. The Guardian traz reportagem investigativa – isso ainda existe em alguns lugares – afirmando que o exército dos Estados Unidos está desenvolvendo um programa para manipular mídias socias e usá-las como ferramenta de propaganda.

Segundo a matéria, uma empresa foi contratada para desenvolver o projeto, que permitirá que uma pessoa controle 10 identidades ao mesmo tempo. O trabalho também visa criar uma proteção especial para quem gerencia essas identidades, evitando que ele seja “hackeado”.

O programa é semelhante ao que o governo chinês, desconfiam os ocidentais, busca desenvolver. Não deixa de ser irônico: governos ditatoriais e democráticos usando métodos semelhantes.

Leia o texto do The Guardian aqui. Há um comentário sobre a iniciativa norte-americana aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: