Publicado por: luizerbes | maio 2, 2012

Memórias de uma guerra suja, o livro

O texto abaixo é do site que divulga o livro “Memórias de uma Guerra Suja“, que aborda a repressão no período da ditadura brasileira:

“O livro revela os bastidores de uma parte do trabalho de destruição da esquerda brasileira durante os anos 70 e início dos 80. É o depoimento, em primeira pessoa, de um ex-delegado do DOPS que foi o principal agente de um grupo de militares fora da cadeia de comando oficial das Forças Armadas. No início, eles foram autorizados pelo Governo Federal a promover a matança e o aniquilamento da esquerda, o que incluía o desaparecimento dos corpos das vítimas. Depois, estes mesmos militares começaram a se rebelar contra o comando oficial. Claudio Guerra, ex-delegado do DOPS, conta aqui o que viu e o que fez.  Seu nome não está em nenhuma das listas de agentes torturadores, feitas pelas organizações de esquerda, porque na verdade ele nunca torturou ninguém: sua missão era matar.”

O site IG traz, em notícias, algumas das histórias que estão no livro: uma refere-se à morte do delegado Fleury, que comandava a repressão (leia aqui), e outra do sumiço dos corpos de esquerdistas mortos, incinerados numa usina (leia aqui). São histórias escabrosas, mas que não podem ser esquecidas. Como demonstra Naomi Klein, no livro “Doutrina do Choque”: um povo que não conhece a sua história e um povo que pode ser manipulado (leia entrevista em que ela fala do livro). Ou seja, é necessário encarar o nosso passado.


Responses

  1. Impressionante!
    Os mesmos crimes que os nazistas cometeram e estão até hoje impunes.

  2. É, e não é só no Brasil que isso ocorreu e ocorre. Digamos que o nazismo teve os seus seguidores – inclusive entre os que dizem defender a democracia.

  3. Quando o livro estará à venda nas livrarias?

  4. Olá Sirlene Paes,
    não encontrei essa informação – o IG não traz esses dados, mas deve ser nesta ou nas próximas semanas.
    Abraços

  5. Nós, militares, encaramos os “arrependidos ou traidores” na pior escala da escória humana. Se esse ex-delegado resolveu contar coisas que fez e fez conscientemente durante o tempo que esteve na ativa, é porque, no fundo, é muito boçal e mau caráter. Por outro lado, se houve a matança que o mesmo alega, esta foi uma das melhores coisas que se podia fazer e que se pode ainda fazer se outra oportunidade dessas ocorrer no Brasil: comunista bom é aquele que jaz a sete palmos de terra.

  6. [...] quarta, coloquei um post no blog sobre o livro “Memórias de uma guerra suja“, que traz o depoimento de Cláudio Guerra, integrante da repressão da ditadura com a [...]

  7. Não e que não aja justiça no Brasil, e que nos, o povo nos deixamos ser levados por vários Medos.
    O povo brasileiro com uma cultura de que ao final de tudo, tudo vai dar certo acaba por não lutar por seus direitos.
    Se em outros países há uma condenação a quem cometeu atos criminosos, no Brasil não e fácil.
    Motivo e que hoje os inocentes estão todos mortos, os culpados e que tem o poder de condenar.
    Hoje em um jogo politico, velhos adversários jogam em um mesmo time, e quem perde e a memoria dos mortos, que não servem nem como desculpa para ferir um parceiro de jogo.
    Se hoje tem um pequeno interesse em saber o que ouve nos porões da repressão, e divido a um sentimento de poucas pessoas em querer um país melhor, em querer ser dono de um pouco da memoria do Brasil.
    A nessa guerra os dois lados saíram feridos, uns com mais cicatrizes que o outros.
    Mais a fraqueza de um povo foi a herança deixada para as gerações futuras.

  8. Na verdade o nosso desconhecimento da História vem lá de Canudos, quantos de nós acreditamos no livro de Euclides da Cunha? A leitura dos Sertões da uma boa ideia como o brasileiro é ignorante em relação a história recente, pq explodiram e posteriormente inundaram o Lago de Cocorobó?


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 384 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: